A noite mágica em Barcelona, tarde no Brasil, desta quarta feira (08) de março, ficará para sempre gravada em minha memória. E caso minha memória falhe com o passar dos anos, com certeza no meu coração estará eternamente impresso este placar, este jogo, este sentimento que só o futebol proporciona.

Não foi somente um 6X1 do Barcelona frente ao PSG, revertendo uma vantagem de 4 gols do primeiro jogo. Não foi somente um mais um recorde batido na Uefa Champions League.

Foi uma noite de superação, de inspiração, de exemplos a serem seguidos e, de outros para não serem.

Noite de fé, crença, esperança e persistência.

Um jogo que foi marcado não somente por belos gols ou gols esquisitos. Por erros da arbitragem, ou por bolas na trave.

Foi uma partida que extrapolou os limites desportivos, as medidas do gramado e o tamanho do Camp Nou lotado.  Foi uma demonstração clara de que o futebol, não é só futebol.

Tanto não é que derrubou a pauta deste texto. Hoje seria outro assunto, outro tema. Mas tudo se tornou insignificante diante do acontecido. Tive que, assim como milhares ou milhões de pessoas, ao menos tentar demonstrar o que estou sentindo.

 

neymar-barcelona-psg-uefa-champions-league-08032016_7alexpfkeelz1afuiu160mwh5
Foto: Goal.com: (Neymar foi o destaque da virada histórica do Barça marcando dois gols e dando a assistência para o gol decisivo de Sergi Roberto)

 

Confesso que aos 38 minutos do segundo tempo, quando a transmissão do jogo por um aplicativo do meu smartphone travou, julguei não ser necessário, tentar reestabelecer a conexão. Pois para mim, tudo estava consumado.  3X1 para o Barcelona e a necessidade de fazer mais 3 gols. Eu não acreditei.

15 minutos depois fui surpreendido com dezenas de mensagens no celular, que narraram o feito extraordinário que acabara de ocorrer. Não conseguia me conter… Minha noiva ao lado, no banco do passageiro não entendia nada… Via minha alegria e entusiasmo e não podia compreender.

Chegando em casa, fui logo ver cada lance, ler cada matéria, cada entrevista, cada narração diferente. Me senti motivado a fazer parte daquele momento, ainda que de forma singela.

E se não pude estar lá no estádio, tão pouco ver os mágicos minutos finais do jogo pela TV. Hoje posso escrever, e ajudar de alguma forma a eternizar este momento.

De todos os sentimentos pelos quais fui tomado, um se destacou.

Gratidão.

Gratidão por ter sido premiado, por nascer em uma geração que pôde contemplar este feito. Assistir este inimaginável Barcelona. Esse trio MSN.

Sou grato por ser apaixonado por futebol.

 

Sergi Roberto.jpg
Foto: Blog do Mauro Beting: (Sergi Roberto, o herói improvável da virada épica do Barcelona)

 

E por poder escrever hoje, sobre um esporte que não é só futebol. O gol de Sergi Roberto aos 50 minutos do segundo tempo, definitivamente convenceu-me disso.

 

Imagem em destaque: Site Guia do Boleiro